Sobre o Inumeráveis

Geraldo Martins de Paula

1950 - 2020

"Não fique triste, senão fico triste também", dizia ele para sua neta.

Um ser humano contagiante, transformava a tristeza em alegria, ele via amor em cada detalhe e cada momento com ele foi inesquecível.

Da neta, Marcelly.

-
Um tio, que quando chegava, todos sabiam, pois marcava presença com a sua risada. Sua simpatia e bondade contagiavam a todos. Sem falar da sua bondade imensurável, porque ele não sabia dizer não para ninguém.

Que Gege, como era carinhosamente chamado, tenha o descanso eterno.

Da sobrinha, Vanilza.

Geraldo nasceu em Minas Gerais e faleceu no Rio de Janeiro, aos 70 anos, vítima do novo coronavírus.

História revisada por Rayane Urani, a partir do testemunho enviado por familiares Marcelly e Vanilza, em 2 de maio de 2020.