Sobre o Inumeráveis

Helvécio Corrêa Reis

1939 - 2020

Demonstrava seu amor com simples gestos, como quando fazia uma comidinha e levava um pratinho para os netos.

Esta é uma homenagem da neta Bruna para seu avô, Helvécio:

Helvécio, Vevesso para os sobrinhos ou vovô Vécio para os netos, andava de bicicleta em meio ao trânsito pelas ruas da cidade, esse sempre foi seu meio de transporte. Cozinhava muito bem, adorava assistir novelas, era um pintor caprichoso e fazia suas pipas coloridas, que eram um sucesso para a garotada do bairro. Era um senhor tão ativo e independente que não aparentava já ter 80 anos.

Ele não falava "te amo", mas demonstrava o amor e cuidado com a gente em simples gestos: como comprar seu pão e deixar pendurado na grade da nossa casa para nós comermos quando acordássemos, quando fazia uma comidinha e levava um pratinho para nós, quando buscava e nos levava para a escola na garupa de sua bicicleta quando éramos crianças, quando via que o carro estava sujo e jogava uma aguinha.

Ele tinha seu lado ambiental também, além de andar de bicicleta, mantinha o quintal cheio de árvores e plantas. Jogava canjiquinha e colocava frutas para os passarinhos que apareciam. Separava latinhas de alumínio para reciclagem e usava o lixo orgânico para adubar.

Quantas lembranças! Lembro de quando morávamos juntos e tomávamos café vendo desenho na TV, eu com a minha boneca Luci que ele me deu e tenho até hoje, com 31 anos. Recentemente, eu havia pedido a ele para me ensinar a pintar as paredes e o teto de casa e assim ele o fez, até os pincéis e o rolo ele comprou pra mim. Tive sorte de conviver de perto com ele.

Meu vô era um senhor forte, não ficava doente fácil. Está sendo difícil por perdê-lo tão rápido e sem poder nos despedir.

Meu vô, quantas saudades você deixou para nós, saudades que chega dói o peito. Te amamos muito.

Helvécio nasceu em Cachoeiro de Itapemirim (ES) e faleceu em Cachoeiro de Itapemirim (ES), aos 80 anos, vítima do novo coronavírus.

Tributo escrito a partir de testemunho concedido pela neta de Helvécio, Bruna Reis Bonadiman. Este texto foi apurado e escrito por Jornalista Manuella Caputo, revisado por Lícia Zanol e moderado por Rayane Urani em 5 de julho de 2020.