Sobre o Inumeráveis

Iná Corrêa de Meireles

1964 - 2020

Deixou um pouquinho de vida, amor e sorriso por onde passou.

Foi um exemplo de mulher. Apaixonada pela vida e pelas pessoas. Cheia de sensatez e sempre prestativa.

Uma mineira de sorriso pronto e aberto. Uma assistente social incomparável que por mais de vinte anos se dedicou a ajudar o próximo. Mãe da Luísa e da Laura.

“Ela era uma assistente social de primeira. Acabou sendo infectada por ter ido para a linha de frente, sem medo, ajudar quem precisava. Porque ela era assim. Sorridente e carinhosa, pronta para ajudar o próximo. A gente ria com ela tocando violão e cantando ‘Pra não dizer que não falei das flores’. Filha mais nova do seu João e da dona Venina, agora vai encontrar com os dois lá no Céu. Iná vai contar a loucura que anda o mundo, abraçar muito os dois e olhar pra cá pronta para nos ajudar”, conta o sobrinho Leonardo.

Cada ser que teve a graça de conhecê-la terá uma bela história para contar. Seu amor, comprometimento e humanidade continuarão sempre presentes. Já seu sorriso, o seu inesquecível sorriso, seguirá abraçando cada um, toda vez que for lembrado.

Iná nasceu em Juiz de Fora (MG) e faleceu em Ipatinga (MG), aos 55 anos, vítima do novo coronavírus.

Testemunho enviado pelo sobrinho de Iná, Luiz Leonardo Meireles de Oliveira. Este tributo foi apurado por Ticiana Werneck, editado por Thiago Santos, revisado por Lígia Franzin e moderado por Rayane Urani em 2 de agosto de 2020.