Sobre o Inumeráveis

Jandyr Gomes Moreira

1935 - 2020

Dira era tão festeira que suas lembranças estão sendo comemoradas no céu.

Dona Dira, que saudade sentiremos da sua beleza. Apesar dos 84 anos, ainda estava cheia de vontade. Era super pra frente e gostava de estar bem. Só andava arrumada, com os cabelos e as unhas feitas. Ouvia música, assistia filmes, costurava, fazia tricô/crochê, era conselheira…

A lembrança que fica para sempre é o Natal de 2019, em sua casa. Sua filha, Munique, contou que foi uma delícia. Era incrível como dona Dira, estava sempre disposta a ajudar todo mundo, a conversar com os vizinhos. Mulher guerreira, viveu 60 anos de uma história de amor com Manuel. Foi mãe e avó. Cuidava também dos animais, como seus cachorros e seus passarinhos.

É verdade que não deu tempo de se despedir, mas o lado bom é que todo mundo sempre vai lembrar dela naquele clima cheio de felicidade, festeira como sempre foi. Dizem por aqui que sua alegria é tão contagiante que, certamente, todas as suas memórias serão muito comemoradas aí no Céu.

Da filha Munique Gomes Moreira

-
Dira. "Ah, não pode chamar de Dona Dira e nem de Sra. Não sou velha", ela dizia.

Sincera, brava e tão doce! Como pode? Especial.

Adorava passear, cozinhar e costurar.

Fã de Andrea Bocelli. E como gostava! Realizou o sonho de ir ao show dele. Não sabia ficar parada. Mulher guerreira e forte.

"Amada por sua família e por mim, a quem ela recebeu tão bem! Eu me sentia sua neta também.", diz Thatiane, noiva do neto.

Quem a conheceu não esquece.

Da noiva do netode Dira, Thatiane.

Jandyr nasceu Rio de Janeiro (RJ) e faleceu São Paulo (SP), aos 84 anos, vítima do novo coronavírus.

Jornalista desta história Josué Seixas, em 22 de maio de 2020.