Sobre o Inumeráveis

Mario José Andrade

1957 - 2020

Sempre uma voz doce, até nos piores momentos.

Amoroso era Mario. Amigo, irmão, filho e esposo.

Preocupado com todos aos seu redor, referência de profissional, respeitado no centro espírita que frequentava.

Era a voz precisa e doce que acalantava, com amor e conforto, os momentos mais difíceis, nos quais ele nunca deixava ninguém sozinho.

Dizia: "Tudo passa. Somos espíritos eternos numa experiência humana."

Presente até o final.

Mario nasceu no Rio de Janeiro e faleceu no Rio de Janeiro, aos 63 anos, vítima do novo coronavírus.

História revisada por Ticiana Werneck, a partir do testemunho enviado por amiga e irmã de alma Maria de Fátima Rocha de Aquino, em 2 de maio de 2020.