Sobre o Inumeráveis

Maurício Batista Borges

1964 - 2021

Dedilhando as cordas do violão, com olhos fechados, cantava emocionado a canção "Bohemian Rhapsody".

Maurício era um ser humano no sentido mais completo da palavra: vivia atrás de novas aventuras, alcançou muitas vitórias, era desafiador, um exemplo de solidariedade e muito amoroso. Era impossível para ele não ajudar quem precisasse.

Não tinha tolerância para atitudes maldosas ou coisas mal feitas. Com educação e respeito, apontava o melhor caminho para a situação e ensinava lições das formas mais inusitadas aos que insistissem no erro.

Gostava tanto de voar, que passou a vida ao lado dos aviões. Tinha orgulho de ser mecânico de avião no Centro de Treinamento da Aeronáutica (CTA). Sua curiosidade científica e inteligência o fizeram desenvolver grandes projetos pessoais que deixavam a todos impressionados. Sua alma era como a própria oficina: cheia de pequenas engrenagens, ferramentas, projetos, organização, desorganização e invenções. Um coração muito além do nosso tempo.

Quando colocava o violão no colo, seus dedos assumiam as cordas com toda a delicadeza que as canções de Belchior exigiam. Sua música preferia era “Bohemian Rhapsody”, do Queen, em que ele repetia com o olhar extasiado o refrão “Mamma”, e a saudade que lhe embargava a voz.

Adorava acampar na praia, estar em meio à natureza, principalmente em Borda da Mata, Minas Gerais, ao lado das pessoas que amava. E ele amava intensamente. Foi um ótimo pai, irmão, primo, sobrinho e amigo fiel.

Podemos imaginá-lo, a partir de agora, cantando nos jardins do céu, talvez acampando em algum ponto do Paraíso onde possa acompanhar o voo dos pássaros e proteger o voar dos aviões aqui na Terra. E como não poderia ser diferente, ele olhará, lá de cima, por todos nós.

Maurício nasceu em Santo André (SP) e faleceu em São José dos Campos (SP), , vítima do novo coronavírus.

Testemunho enviado pelo irmão de Maurício, Mauro Batista Borges. Este tributo foi apurado por Lígia Franzin, editado por Ricardo Valverde, revisado por Ana Macarini e moderado por Ana Macarini em 15 de abril de 2021.