Sobre o Inumeráveis

Miraci Maria Werlang

1947 - 2020

Sempre sorridente e doceira de mão cheia, era dedicada tanto às pessoas quanto às flores e plantas.

Muito ativa e independente, Miraci nunca gostou de ficar parada. Segundo a filha Sandra, o trabalho e a atividade eram o combustível para a sua vitalidade. Nascida em Tupandi (RS), mudou-se ainda durante a juventude para São Leopoldo (RS), cidade onde viveu por mais de 50 anos. Teve quatro filhos e era avó de três netas, as maiores motivações de sua vida.

Dos 15 anos em que foi proprietária de uma escola de educação infantil veio o apelido, “Tia Mi”. Era conhecida pelo carinho e carisma com os pequenos. “Ela deixa o legado de ter educado inúmeras crianças. Muitos pais, por conta do trabalho, deixaram seus filhos aos cuidados dela com extrema confiança”, recorda Sandra.

Após a aposentadoria, decidiu retomar aquela que foi sua primeira profissão, da época em que possuía um salão de beleza em casa. Cortando cabelo e fazendo penteados em domicílio, voltou a atender as clientes de longa data do bairro Scharlau.

Miraci também era conhecida por outra característica marcante: era uma cozinheira daquelas de mão cheia, principalmente em se tratando de confeitaria. Tanto que os vizinhos chegavam a encomendar bolos e tortas, suas especialidades.

A alegria de viver estava sempre estampada no seu sorriso. “A vida é bela”, dizia para inspirar quem estivesse por perto. Dedicava-se às pessoas tanto quanto às flores e plantas do seu quintal, outra de suas paixões.

Mulher de muita fé, Miraci tinha sonhos e planos que foram interrompidos pela pandemia. A segunda ida para a Alemanha, país que conhecera em 2015, era um deles. Agora são os filhos que pretendem realizar essa viagem, em memória da mãe.

Miraci nasceu em Tupandi (RS) e faleceu em Florianópolis (SC), aos 73 anos, vítima do novo coronavírus.

Tributo escrito a partir de testemunho concedido pela filha de Miraci, Sandra Danieli Werlang. Este texto foi apurado e escrito por Jornalista Gregori de Moraes Soranso, revisado por Paola Mariz e moderado por Phydia de Athayde em 1 de outubro de 2020.