Sobre o Inumeráveis

Pasqual Stefano

1957 - 2020

Dentista e profundo conhecedor da música e do cinema. Pintor, desenhista e eclético. Um grande sonhador.

Ser humano de um coração imensurável, pai generoso e amigo, que por mais teimoso que seu filho fosse no trato, fazia-se sempre disponível e presente.

Era capaz de fazer tudo, para ver seu filho sorrir.

Trabalhou, incansavelmente, para alcançar os melhores resultados. Amou e foi amado, viveu intensamente por sua família.

Um homem de fé, aberto aos mais diversos significados do viver, do ser. Foi o que quis toda a vida sem machucar ninguém, somente sendo ele mesmo.

Às vezes irreverente, irrequieto, guloso, sincero...

Já chegou até mesmo a negar oportunidades de crescimento profissional, pois preferia ser do jeito que era, muito mais simples, sem amarras, sem dar satisfações para ninguém.

Um homem de alma livre, mas de coração presente.

Alguém que fez a diferença nas vidas daqueles com quem dividiu seu tempo na Terra. Ele imbuiu o significado de "ser", pois foi e será, para todo o sempre, um grande amor, um grande pai.

Pasqual nasceu no Rio de Janeiro e faleceu no Rio de Janeiro, aos 63 anos, vítima do novo coronavírus.

História revisada por Rayane Urani, a partir do testemunho enviado por filho Matheus Perisse Stefano, em 1 de maio de 2020.