Sobre o Inumeráveis

Raimundo Souza dos Santos

1963 - 2020

Vascaíno apaixonado, Careca tinha uma risada contagiante e era prestativo com todos.

Raimundo trabalhava como vendedor em uma rede de lojas de calçados e era admirado por seus colegas de trabalho, a quem chamavam de "o melhor vendedor da loja".

Seu filho, Marcus Vinícius, diz que "é impossível não lembrar do respeito que ele tinha por todos a sua volta, sempre prestativo, sempre querendo ajudar no que fosse necessário".

A risada de Raimundo era o que mais contagiava a todos. E o filho, que por sinal se parece muito com o pai, é quem a carrega hoje também.

Raimundo será lembrado pela sua paixão pelo Vasco, seu time do coração. Foi inúmeras vezes assistir aos jogos do time; ganhando ou perdendo, estava sempre torcendo.

Careca, como era chamado por quem o conhecia, era um amigo para todos os momentos. Marcus Vinícius que o diga: "Não pude me despedir dele da maneira que merecia, mas fico com a certeza de que ele me amou e soube do meu amor".

Em um dos últimos encontros dos dois, Careca repetiu a frase do seu seriado favorito: "Sempre Fi", que, como o filho explica, traduzido significa "Sempre Fiel". Assim é e assim será.

Raimundo nasceu no Rio de Janeiro (RJ) e faleceu no Rio de Janeiro (RJ), aos 57 anos, vítima do novo coronavírus.

Testemunho enviado pelo filho de Raimundo, Marcus Vinícius Gonçalves dos Santos. Este tributo foi apurado por Michelly Lelis, editado por Phydia de Athayde, revisado por Paola Mariz e moderado por Rayane Urani em 10 de agosto de 2020.