Sobre o Inumeráveis

Silvanira Soares dos Santos

1933 - 2020

Alegre e guerreira, gostava de dançar forró e estar reunida com os filhos.

Dona Silvia, como era conhecida e carinhosamente chamada, foi uma mulher forte e guerreira. “Minha mãe foi a mulher mais guerreira que conheci na vida. Será sempre meu exemplo de mulher forte”, afirma a filha Sirleide.

“Quando conto a minha história de vida aos meus passageiros no táxi, as pessoas falam que sou uma guerreira e eu respondo: ‘sim, nasci de uma mãe guerreira, não poderia ser diferente’ ”, conta a filha.

Dona Silvia teve 14 filhos e, exceto por um que morreu aos 33 anos, viveu acompanhada por eles ao longo da vida. De acordo com Sirleide, estar com os filhos reunidos, era o que ela mais gostava.

Para ter um espaço ainda mais acolhedor para sorrir com a família, estava reformando sua casa. Apesar de não ter concluído esse sonho, o que fica no coração e na identidade dos filhos, netos, bisnetos e tataranetos é o orgulho de terem como origem uma mulher forte, guerreira, alegre e dançarina.

Silvanira nasceu em Estância (SE) e faleceu em Estância (SE), aos 86 anos, vítima do novo coronavírus.

Testemunho enviado pela filha de Silvanira, Sirleide Soares. Este tributo foi apurado por Lígia Franzin, editado por Denise Stefanoni, revisado por Lígia Franzin e moderado por Rayane Urani em 28 de junho de 2020.