Sobre o Inumeráveis

Ana Lessa Afonso Ferreira e Silva

1924 - 2020

A simplicidade era a chave da sua alegria.

Ana era uma amante da família. Seu coração doce, seu abraço fraterno e um grande sorriso em seu rosto mostravam o quanto ela era feliz por estar perto daqueles que amava.

Iniciou sua vida no interior do Pernambuco, onde casou com seu amado esposo Osmar. Posteriormente, mudou-se para a capital pernambucana a fim de dar uma educação melhor aos filhos. Uma mãe amorosa, que sempre ensinou a importância da união, da confiança, do respeito e do afeto. A simplicidade era a chave da sua alegria.

Ana era uma contadora de histórias, sempre querendo ensinar valiosas lições de vida aos mais novos, principalmente aos seus 25 netos e seis bisnetos. Quando a família completa ia visitá-la, no aniversário e nas festas de fim de ano, sua casinha, no interior do Pernambuco, se fazia em festa e transbordava de carisma e euforia. Ana era o elo que os unia, e estar na presença de todos fazia a diferença em sua vida. É desse jeito que é lembrada.

Sua fé na Igreja Católica era fortalecida quando ela ouvia a música Nossa Senhora, na voz de um de seus maiores ídolos, Roberto Carlos.

E como boa filha que foi, hoje está de mãos dadas com a Mãe, coberta em Seu manto de amor, guardada na paz do Seu olhar e, dessa forma, confortando o coração de todos aqueles que a amaram.

Ana nasceu em Catende (PE) e faleceu no Recife (PE), aos 95 anos, vítima do novo coronavírus.

Tributo escrito a partir de testemunho concedido pelo neto de Ana, João Marcelo Lessa Ferreira e Silva. Este texto foi apurado e escrito por Jornalista Victoria Pimenta Barel, revisado por Lígia Franzin e moderado por Rayane Urani em 23 de julho de 2020.