Sobre o Inumeráveis

Egilvan Maciel de Oliveira

1973 - 2020

Adorava forró, dançava e dizia: "É pra acabar!".

Era muito amado, alegre e cheio de vida. Sempre prestativo, trabalhador, dedicado e honesto. Viveu intensamente.

Mesmo diante das dificuldades, seu sorriso contagiante conquistava todos. Era a alegria da família!

Foi pai. Era filho único entre três irmãs. Torcedor nato do Palmeiras.

Muito jovem foi em busca de trabalho em São Paulo, onde viveu por muitos anos. Lá fez amigos que considerava irmãos.

Os anos se passaram e seu coração se dividia entre o Ceará e São Paulo. Então sentiu a necessidade de estar ao lado da família e voltou para Fortaleza.

Sempre festeiro, reunia amigos e familiares. Amava visitar as tias, os primos e o pai no interior. Era só alegria!

Formou família e viveu ao lado da esposa a quem amava muito. Juntos realizaram sonhos.

Trabalhando, conseguiu o tão sonhado período de férias e não hesitou em ir visitar os amigos em São Paulo. Não sabia que seria a despedida.

A última conversa com a irmã Lindarcy foi por WhatsApp. Muito feliz, enviou uma foto com seu filho e disse que voltaria.

Fica a lembrança de sua felicidade diante da vida. Será eternamente amado.

Egilvan nasceu em Morada Nova (CE) e faleceu em Fortaleza (CE), aos 46 anos, vítima do novo coronavírus.

Testemunho enviado pela irmã de Egilvan. Este tributo foi apurado por Clara Quinteiro Hernandez, editado por Noêmia Maués, revisado por Didi Ribeiro e moderado por Rayane Urani em 9 de junho de 2020.