Sobre o Inumeráveis

Ilma de Oliveira da Silva

1941 - 2020

Um legado de amor, cuidado e proteção à família.

Se eu pudesse resumir Vó Ilma em uma palavra, seria "Guerreira".

Aos 20 anos, já cuidava de seus quatro filhos.

Desde muito jovem precisou conciliar o cuidado da casa e dos filhos com o trabalho. Diante de muitas dificuldades, essa jovem mãe escreveu sua história de vida com superação e muita resiliência.

Extremamente dedicada ao trabalho de costureira, foi desta profissão que obteve o sustento para educar seus filhos. Mais tarde, com os filhos crescidos, passou ainda a conciliar a lida de costureira com a função de servidora pública da União. Ensinou, pelo exemplo, que na vida as conquistas somente seriam possíveis através de muito trabalho e dedicação.

De quatro filhos, viu a família florescer com a chegada de seus 13 netos e três bisnetos.

Uma filha dedicada, mãe protetora e uma avó/bisavó que transbordou amor pelos seus.

Se dizem por aí que “vó é mãe com açúcar”, as boas lembranças não permitem traduzir em palavras um pouco do que foi essa doce relação. Plantou carinho, aconchego e colheu amor, admiração e respeito de quem teve o privilégio de conhecê-la.

Sempre pronta para fazer o bem, até o último instante de lucidez sua preocupação foi pelo bem-estar dos seus queridos. Seu maior objetivo sempre foi a felicidade de sua família.

Lutou até o fim e descansou deixando saudade e gratidão no coração daqueles que puderam ser abençoados pela sua existência.

Ilma nasceu em Sena Madureira (AC) e faleceu no Rio Branco (AC), aos 79 anos, vítima do novo coronavírus.

Testemunho enviado pela neta de Ilma, Lara de Jesus Lima. Este tributo foi apurado por Rayane Urani, editado por Rayane Urani, revisado por Lígia Franzin e moderado por Rayane Urani em 29 de julho de 2020.