Sobre o Inumeráveis

Irene Negreiros de Albuquerque

1931 - 2020

Zelava pelo jardim e horta com o mesmo amor imensurável que dedicou à família.

Dona Irene era a "personificação do amor". Incansável nas suas orações diárias e no cuidado com a família.

"Adorava cozinhar, fazer crochê e cuidar do seu jardim, onde cultivava uma linda hortinha", conta a neta Simone.

E Irene não cultivava apenas plantas e hortaliças: também o fazia com pessoas, regando-as com afeto e ternura.

Ela partiu, mas deixou valiosos ensinamentos durante a vida. "Viveu na prática o verdadeiro amor, aquele que é incondicional. Apesar das suas dores, foi firme, forte e feliz", diz Simone.

A neta se despede da avó com uma certeza: "O seu amor permanece vivo em nossos corações".

Irene nasceu em Matacara (PB) e faleceu em João Pessoa (PB), aos 88 anos, vítima do novo coronavírus.

Testemunho enviado pela neta de Irene, Simone Bezerra Alves. Este tributo foi apurado por Samara Lopes, editado por Júlia de Lima, revisado por Gabriela Carneiro e moderado por Rayane Urani em 23 de agosto de 2020.