Sobre o Inumeráveis

Janaína Silva do Nascimento Nicacio

1982 - 2020

Amiga para todas as horas. "Oi, fofo!" era sua marca registrada.

Viajou de São Paulo até Minas Gerais para conhecer Valentina, a filha de um ano de seu grande amigo Leandro, em sua primeira festa de aniversário. Uma tempestade destruiu quase toda a decoração. Jana, sem pestanejar, se colocou no meio da chuva para tentar salvar o mínimo e fazer a festa acontecer.

Jana era assim: amiga para todas as horas. Seu gesto será lembrado para sempre, assim como a pessoa incrível que Jana foi. Deixa saudades.

-
Jana era uma pessoa fantástica, amiga para todas as horas. Gostava de viajar, ir a shows e sair para jantar com seu amigo Vincenzo. De acordo com ele, ela foi uma dessas amigas que não se acha mais: divertida e carinhosa. Amava os animais, em especial os cachorros.

"Jana estava tão feliz por ter engravidado, logo finalmente seria mãe, um sonho estava se realizando... Mas a eclâmpsia a fez ir para o hospital antes do previsto, sua filha Valentina nasceu prematura e na internação Jana foi contaminada. Viu sua filha uma única vez" conta o amigo.

O céu ganhou uma nova estrela, bonita, vaidosa, com muito brilho e olhos azuis expressivos que viverá eternamente nas recordações e no coração de muitos.

Janaína nasceu São Paulo e faleceu São Paulo , aos 37 anos, vítima do novo coronavírus.

História revisada por Mariana Coelho, a partir do testemunho enviado por amigos Leandro e Vincenzo, em 21 de maio de 2020.