Sobre o Inumeráveis

João da Silva Barros

1933 - 2020

Tio João era tudo o de mais bonito que a gente quer ser, em uma só pessoa.

Tio João era provedor de uma força e uma garra danada.

Sua determinação o trouxe do Sertão para o Rio de Janeiro, onde foi acolhido pela bisa e virou família.

João era isso, era família. E era tão família, que foi irmão do vovô e padrinho da mamãe.

Foi filho, tio, irmão, padrinho e amigo.

Por onde Tio João passava, ele era família.

Era maluquice, gargalhada e bananeira na cozinha.

Era dor na barriga de tanto fazer a gente dar risada.

Tio João era tudo o de mais bonito que a gente quer ser, em uma só pessoa.

João nasceu no Ceará e faleceu no Rio de Janeiro, aos 86 anos, vítima do novo coronavírus.

Tributo escrito a partir de testemunho concedido pela sobrinha de João, Ester Oliveira. Este texto foi apurado e escrito por Flavia Gebran, revisado por Lígia Franzin e moderado por Rayane Urani em 5 de maio de 2020.