Sobre o Inumeráveis

José Gomes de Moura

1951 - 2020

Palavras de fé e amor.

Diácono Moura, como era conhecido na arquidiocese de Recife e Olinda, tinha o sorriso emoldurado por barba, bigode e cabelos brancos.

Casado, deixa esposa, quatro filhos e centenas de admiradores de seu trabalho.

"Querido pela arquidiocese pernambucana, diácono Moura tinha 69 anos e foi ordenado no dia 1º de novembro de 2008. Nos últimos anos, exerceu o ministério diaconal nas paróquias de São José e São Lucas. (...) Partiu deixando entre nós o seu exemplo de um servo fiel à missão de pai, colaborador de sua comunidade e, sobretudo, irmão", disse em nota a Comissão Regional dos Diáconos.

José nasceu em Olinda (PE) e faleceu no Recife (PE), aos 69 anos, vítima do novo coronavírus.

História revisada por Phydia de Athayde, a partir do testemunho enviado por amiga Patrícia Leal, em 5 de maio de 2020.