Sobre o Inumeráveis

José Pedro dos Santos

1960 - 2020

Tinha a mania de sorrir e de perdoar com facilidade.

José Pedro, mais conhecido como Zito, era um homem sorridente, de coração enorme e alegre.

Durante a infância na Paraíba, cativou seus irmãos José Carlos, Pedro, Antônio, Fernando, Leonardo, Maria José, Nilce e Penha. Eles carregarão o legado e a memória de Zito por onde forem.

Pai de Luciane e Viviane, filho primogênito de Dona Maria e avô de Vinícius, Thiago, Carol e Gabriel, Zito era a alegria da família e sempre participava das reuniões com eles. Sua presença e seu carinho marcaram presença em cada Natal e Ano Novo.

Era um pedreiro dedicado, vivia trabalhando, mas sempre arranjava um tempo para visitar a mãe e dar a ela amor e carinho.

Se sua trajetória de vida foi difícil, seu sorriso era fácil e conquistou todos ao seu redor. Seu coração era tão aberto que, ao casar-se com Dora, tornou-se o amor dos enteados Raquel, Flaviane e Flávio.

Era evangélico e tinha uma fé inabalável, gostava de ir à igreja e de rezar.

José nasceu em Cuité de Mamanguape (PB) e faleceu em Niterói (RJ), aos 59 anos, vítima do novo coronavírus.

Tributo escrito a partir de testemunho concedido pela sobrinha de José, Anna Beatriz Porfírio da Silva. Este texto foi apurado e escrito por Jornalista Alexandre Ramos Costa, revisado por Lígia Franzin e moderado por Rayane Urani em 26 de novembro de 2020.