Sobre o Inumeráveis

Juraci Silva de Lima

1966 - 2020

Era tida por mãezona pelos colegas de profissão, os quais aconselhava, animava e confortava.

Juraci perdeu a mãe muito cedo, na infância. Contudo, diante do que passou na vida, "tinha orgulho de sua história e narrava-a com exaltação", comenta a filha.

Determinada, estudou com afinco, acabou por ser aprovada em concurso público na área da saúde e exerceu com dedicação o seu ofício. Ainda que possuísse alguma enfermidade crônica, Juraci evitou solicitar o afastamento regulamentar do trabalho, decidindo enfrentar corajosamente os desafios na "linha de frente".

Seus itinerários cotidianos eram de casa para o trabalho, de casa para a igreja, e desta para casa. Foi pai e mãe para os seus seis filhos. Foi também amada por todos da família por seu carisma e por sua enorme disponibilidade em auxiliar as pessoas. O neto Kaiky William era seu xodó.

"Demonstrava mansidão ao falar para todos nós da promessa de vida eterna", diz sua filha Paula. "Doava-se ao semear as palavras do Evangelho e compartilhava sua devoção e fé em todos os lugares como um ser humano incrível."

Juraci nasceu em Macapá (AP) e faleceu em Santana (AP), aos 53 anos, vítima do novo coronavírus.

Testemunho enviado pela filha de Juraci, Paula Mayara de Lima do Nascimento. Este tributo foi apurado por Thyago Soares, editado por Ricardo Henrique Ferreira, revisado por Magaly Alves da Silva Martins e Débora Spanamberg Wink e moderado por Rayane Urani em 15 de setembro de 2021.