Sobre o Inumeráveis

Narciso dos Santos Vieira

1959 - 2020

Bigode era um homem trabalhador, generoso e de fé.

Seu Narciso era um homem honesto e sempre disposto a ajudar. Nordestino batalhador, veio pra cidade grande aos 17 anos de idade em um "pau de arara". Em Osasco, foi funcionário público municipal onde se dedicou por 41 anos, conhecia a cidade como a palma da mão. Lá, era conhecido pelo apelido de Bigode, e será homenageado pela prefeitura, com o nome de uma rua ou de uma escola.

Sua preocupação sempre foi cuidar e zelar pelo próximo. Homem de fé, muito religioso, adorava viajar e sua próxima viagem já estava marcada: seria em julho de 2020, para ver sua mãezinha, a Dona Maria Calado. Bom filho, todos os anos ia até sua terra natal para visitá-la. Era um pai maravilhoso e um ser humano generoso.

Criou três filhos, teve orgulho de vê-los formados, e teve três netos. Sempre batalhou muito, até o dia em que foi vítima do Covid-19. "Seja feita a vontade de Deus" era a frase que gostava de falar, e assim foi feita. Herói da Gabriela, o Bigode, querido por todos de Osasco, deixou saudades, boas lembranças e o seu legado.

Narciso nasceu em Caetés (PE) e faleceu em Osasco (SP), aos 60 anos, vítima do novo coronavírus.

História revisada por Julio Casimiro, a partir do testemunho enviado por filha Gabriela da Guia Vieira Reis, em 15 de maio de 2020.