Sobre o Inumeráveis

Adalberto Álvares Almeida

1966 - 2020

O carnaval em pessoa.

Amante das engrenagens que possibilitam o espetáculo do Carnaval, era na festa popular que Adalberto se inspirava para trazer alegria e diversão ao próximo e assim, somente assim, ser também feliz. Passou grande parte de sua vida dedicando-se à família, tido como exemplo de responsabilidade, integridade, amizade e amor ao próximo, com um comportamento extremamente respeitoso para com todos.

Uma outra paixão do paraense era o Clube do Remo. "Em todas as circunstâncias, o Leão do Norte era o melhor!" lembra Luana Mattos Soares, sua esposa, que o define como "um ser humano espetacular".

Não há que se esperar outra coisa quando se trata do carnaval em pessoa.

Adalberto nasceu Belém (PA) e faleceu Belém (PA), aos 53 anos, vítima do novo coronavírus.

História revisada por Irion Martins, a partir do testemunho enviado por esposa Luana Mattos Soares, em 7 de maio de 2020.