Sobre o Inumeráveis

Adelaide Mendes Paula

1937 - 2020

Um verdadeiro coração de mãe para seus doze filhos, netos e todos a quem sempre esteve disposta a ajudar.

Dizem que coração de mãe sempre tem espaço para mais um. A vida inteira de Adelaide pode ser vista como uma prova disso.

Dedélia, como era carinhosamente chamada, foi casada e criou seus doze filhos no interior, sem recursos. Um feito realizado com dedicação maternal e muita labuta, fosse como trabalhadora no campo ou prestando serviços domésticos.

"Sempre muito prestativa e disposta a ajudar a todos", como lembra a nora Camila. Dedélia era apaixonada pelos netos e também por suas plantas, fatos que revelam um grande apreço pela vida.

Vida esta que gostava de conduzir com leveza quando saía para pescar ou fazer compras, e com muito bom humor. Quando sofria uma queda na rua, chegava em casa rindo e dizendo que havia caído de madura.

Mulher guerreira, Dedélia manteve a alegria e a dedicação ao próximo como provas de que os desafios até poderiam, mas não foram capazes de endurecer seu coração. Até o último instante, manifestou sua preocupação maternal por aqueles que tanto amou.

Adelaide nasceu em Minas Gerais e faleceu no Rio de Janeiro (RJ), aos 82 anos, vítima do novo coronavírus.

Tributo escrito a partir de testemunho concedido pela nora de Adelaide, Camila. Este texto foi apurado e escrito por Jornalista Larissa Reis, revisado por Lígia Franzin e moderado por Rayane Urani em 1 de junho de 2020.