Sobre o Inumeráveis

Álvaro Jardim Fernandes

1994 - 2020

Aquele que estava sempre rindo e fazendo rir.

O Último Cordel

É com muito pesar, amigos,
que escrevo esse cordel.
A pessoa a quem o dedico,
foi fazer morada no céu.

Um garoto destemido
e de muita atitude.
Sua maior qualidade?!
Ajudar a juventude.

Ao ingressar no Colégio Modelo,
era ainda um garotão...
foi a todos conquistando...
fez amigos de montão!

Em parceria com o primo Vinícius,
deu-se todo o início.
Ah, o seu destaque?!
Começou como líder de classe.

Fundou o Grêmio Estudantil,
realizou muitos projetos.
Até ali nem sabia
que o futuro é algo incerto.

Criou o "Juventude em Ação"
e o "Juventude em Movimento".
Lutar pelos estudantes
era o seu maior alento.

"Dialogando com a Juventude",
foi um projeto maior.
Convidou amigos da sua idade
e o projeto expandiu pra toda a cidade.

A criançada se alegrava
quando essa turma chegava.
Nas escolas palestrava,
até circo ela montava.

Cineminha...
Brincadeira...
Dança...
tudo o que alegrasse a criança!

Quando criava algo,
o garoto falava assim:
“Estou desenvolvendo um projeto...
faz um cordel pra mim!”

Eu solicitava os dados
e escrevia o cordel.
Depois a ele devolvia,
Num pedaço de papel.

Ele lia, sorria e dizia:
“Eu amo o teu cordel!”
Pedia pra eu assinar
e eu respondia que “não”.
A mim bastava a alegria
de colaborar com o amigão!

Comandou a Fundação ACM
conhecida por “Casa do Menor”.
Lá trabalhou com força ardente
para tantas crianças carentes...

A vereador foi candidato e
infelizmente não ganhou.
Por isso não fez bem mais...
sei que ele era capaz!

Foi trabalhar no HGI,
pois saúde era a sua área.
Ajudava a salvar as vidas
de quem lá pedisse guarida.

Chegando essa pandemia,
o seu destino mudou.
Ele foi infectado,
o levaram pra Salvador.

Agora só resta a saudade,
de quem aqui fez muita amizade,
de quem partiu pra eternidade...
e boas lembranças deixou.

Tão jovem, tão carismático!
Meu Deus, que dedicação!
O nosso querido Álvaro,
cumpriu aqui a sua missão!

Descanse em paz, meu amigo!

Por: Georgelita Bacelar
Colaboração: Miriam Nascimento

Álvaro nasceu Ipiaú (BA) e faleceu Salvador (BA), aos 26 anos, vítima do novo coronavírus.

História revisada por Andressa Cunha, a partir do testemunho enviado por professora Sandra, em 20 de maio de 2020.