Sobre o Inumeráveis

Ana Paula Milharance da Silva

1975 - 2020

Não constituiu família: dedicou sua vida à igreja evangélica.

“Sinto não ter estado tão ao lado dela nos últimos meses, devido à distância e à correria da vida. Mas o amor e admiração eram grandes”, conta a irmã Daniela.

Ana Paula partiu apenas 14 dias depois da mãe falecer, ambas pela mesma causa. A filha, muito abalada com a perda, sofreu muito. Como destaca a irmã Daniela, a relação das irmãs com a mãe era especial: elas haviam reencontrado a mãe, Nilza, após 29 anos. Esse reencontro foi um grande presente para a família.

Ana Paula era uma mulher de grande fé, uma pessoa com um coração grande e acolhedor. Irmã, tia, filha... exerceu seus papéis com excelência.

Ao longo de sua vida, enfrentou dificuldades sem jamais abandonar suas crenças e convicções. Está, agora, com o Pai Celeste.

A história da mãe de Ana Paula também está guardada neste memorial, e você pode conhecê-la ao procurar por Nilza Milharance.

Ana nasceu em Rio de Janeiro (RJ) e faleceu em São Paulo (SP), aos 44 anos, vítima do novo coronavírus.

História revisada por Ticiana Werneck, a partir do testemunho enviado por irmã Daniela Milharance da Silva, em 23 de maio de 2020.