Sobre o Inumeráveis

Cícero Clemente de Sousa

1962 - 2020

Apaixonado por pescarias e pimentas em conserva.

A principal característica de Cícero era a alegria de viver.

Segundo seu amigo e colega de trabalho, Anderson Rezende, “ele tinha a virtude de praticar o bem, amando o próximo como nunca vi (...) Onde estivesse encantava todos com seu carinho.”

O “Veinho”, como os mais íntimos o chamavam, gostava de pescar, de passar o tempo livre com os amigos e os parentes e tinha uma paixão por pimentas em conserva, das quais muito apreciava o aroma e o sabor. Era a pessoa organizada da família, o que mantinha os objetos da casa em ordem e desembaraçava tudo que é tipo de cabo...

Mas, a grande paixão do balconista e funcionário público era mesmo a esposa Suely, os filhos Andressa, Tito e Vanessa, e os netos. “Um pai e amigo para todas as horas. Um ser humano que orgulha a todos nós, de maneira verdadeira e muito especial. Guardamos com muito carinho todas as lembranças dele”, completa Anderson.

Cícero nasceu em Pedro Alexandre (SE) e faleceu em Salvador (BA), aos 58 anos, vítima do novo coronavírus.

Tributo escrito a partir de testemunho concedido pelo amigo de Cícero, Anderson Resende. Este texto foi apurado e escrito por Jornalista Audryn Karolyne, revisado por Lígia Franzin e moderado por Rayane Urani em 4 de junho de 2020.