Sobre o Inumeráveis

Cláudio da Silva

1963 - 2020

Transbordava amor e era extremamente generoso com a família.

Cláudio sempre quis ser pai. Em 2004, realizou esse sonho com a adoção da bebê Ariane. Quatro anos depois, chegou a primeira filha biológica, Ana Leticia, e, em 2011, nasceu a caçula para completar a felicidade da família.

Como homem guerreiro, honesto e amoroso que era, lutou ao lado da esposa Sergia – também uma guerreira – para proporcionar uma vida melhor às três filhas.

Nas lembranças da sobrinha Aline, a dedicação de Cláudio se estendia aos demais familiares: “Ele sempre se fez presente, mesmo de longe; amava a família toda e nunca fez distinção entre os sobrinhos e os irmãos".

Aline relembra o carinho e a atenção especial que ela e sua irmã Alessandra receberam, após a separação dos pais delas, e acredita que a proximidade foi uma espécie de curso intensivo para a posterior paternidade de Cláudio.

“Meu tio era felicidade pura. Foi um marido, pai, irmão, tio e amigo que transbordava amor", finaliza Aline.

Cláudio nasceu no Rio de janeiro (RJ) e faleceu no Rio de janeiro (RJ), aos 57 anos, vítima do novo coronavírus.

Testemunho enviado pela sobrinha de Cláudio, Aline Caroline Bezerra Silva. Este tributo foi apurado por Thaíssa Parente, editado por Mariana Quartucci, revisado por Paola Mariz e moderado por Rayane Urani em 8 de março de 2021.