Sobre o Inumeráveis

Damião Gomes da Silva

1953 - 2020

Era conhecido como o Rei do Açaí porque fazia o melhor da cidade.

Damião foi uma pessoa bem humorada que gostava de contar piadas. Adorava fazer um cafezinho de tardinha e convidava os vizinhos pra tomar com ele.

Sua maior paixão era criar animais, de variados tipos. Galinhas, codornas e até jabuti. Também tinha mania de churrasco, gostava de comer tudo assado. Fazia churrasco de porco e chamava a todos para comer.

Trabalhou como agricultor, pescador e fazia um açaí tão bom que era chamado de “o Rei do Açaí” por quem o conhecia.

Foi casado uma única vez com Lídia Alves da Silva, sua companheira até seus últimos dias de vida. Teve sete filhos: Brendo, Dores, José, Lidiane, Mara, Marizeth e Socorro.

“Uma vez fomos para Bogotá, na Colômbia. Em um dos passeios pela cidade, como gostava tanto de comer bicho do mato, levei meu pai a um restaurante que servia os mais variados tipos de carne. Simples, ele pediu carne de paca e quando começou a comer chamou o garçom e disse: “Amigo, no Brasil essa carne não é de paca, é de cavalo. Mas que cavalo gostoso!”. Todo mundo começou a rir. Foi incrível ver que ele estava tão feliz”, relembra sua filha.

Em seu último contato com a família, Damião disse que foi um bom pai, um bom marido e um bom filho, e que se morresse só iria triste por deixar sua companheira da vida toda, sua amada esposa Lídia.

Damião nasceu no Atalaia (AM) e faleceu em Manaus (AM), aos 67 anos, vítima do novo coronavírus.

Tributo escrito a partir de testemunho concedido pela filha de Damião, Mara Alves. Este texto foi apurado e escrito por Jornalista Matheus Fernando Sanchez de Siqueira, revisado por Lícia Zanol e moderado por Rayane Urani em 31 de maio de 2020.