Sobre o Inumeráveis

Edison Martins Borba

1944 - 2020

O professor Edison formava alunos e pessoas melhores.

Ele era professor por ofício, mas, acima de tudo, por paixão. Formou muitos alunos, ajudou muitos professores, dedicou a vida às salas de aula e à educação. O professor Edison estava sempre disposto e atento para tirar dúvidas e dar uma palavra de conforto a quem precisasse. Além dos livros, ele inspirava e ensinava as pessoas a serem pessoas melhores.

Sempre muito agregador, abria generosamente as portas de sua casa para receber os amigos, que se tornaram sua família. Edison criou tradições: oferecia café da tarde para professores, fazia uma ceia de Natal colaborativa para os amigos, mandava cartão de Natal com mensagens escritas à mão todos os anos. Uma das suas paixões era reunir pessoas para celebrar a vida! "Juntos, passamos muitas tardes alegres, escutando Edison citar seus poemas e contos e compartilhando boas histórias", conta o amigo-irmão Mario.

Outro costume que virou sua marca registrada era o ritual de escrever uma mensagem motivadora de bom-dia, todas as manhãs, na sua página do Facebook. Fez isso todos os dias, absolutamente todos, até o dia que foi internado e não pôde mais.

Edison foi uma pessoa ímpar. Nos últimos anos, de cabelo e barba branquinha, também barrigudinho, parecia o Papai Noel, a melhor definição do "bom velhinho". Mas "bom" é pouco para definir o professor Edison. Ele era ótimo, extraordinário.

"Quem vai desejar bom dia pra gente? Essa é a pergunta e o vazio no peito que nós, seus amigos, alunos, colegas de classe e da vida, estamos sentindo com a partida dele. O professor Edison foi um verdadeiro mestre nas nossas vidas", finaliza Mario.

Edison nasceu no Rio de Janeiro (RJ) e faleceu no Rio de Janeiro (RJ), aos 76 anos, vítima do novo coronavírus.

Tributo escrito a partir de testemunho concedido pelo amigo-irmão de Edison, Mario Sergio Monteiro de Souza. Este texto foi apurado e escrito por Jornalista Lígia Scalise, revisado por Paola Mariz e moderado por Rayane Urani em 11 de junho de 2020.