Sobre o Inumeráveis

Gecival Matias da Silva

1944 - 2020

Com seu vozeirão carregado de alegria e orgulho, adorava mostrar cada filho e neto. E a família é grande!

Na certidão: Gecival. Mas para quem conhecia bem o homem alegre, de voz grossa, orgulhoso da família e de cada um dos cinco filhos, quatorze netos e quatro bisnetos: esse era o Vavá!

Foi um bom filho, amigo fiel e ótimo pai! Onde ele estava, a tristeza não tinha vez! Tinha fama de contador de piadas e adorava cantar pagode nas rodas de samba com o filho Alexandre.

Nos seus últimos anos estava um pouco debilitado. Não se conformava de não poder mais trabalhar, em razão da idade e da saúde, e isso era a única coisa que o deixava entristecido, mas se apoiava na alegria que era estar junto à família.

"Meu pai querido... só me fazia rir, até quando eu não queria! Um abraço quente e as mãos mais macias que já pude segurar! Saiba que ficar sem seu sorriso será muito difícil e pra sempre vou te amar. Está chegando mais uma bisnetinha e vai crescer vendo suas fotos espalhadas pela casa, conhecendo sua história e o quanto o bisavô Vavá era um grande homem. Te amo!", declara emocionada a filha Kátia.

-

Vavá era um excelente pai, amante da vida e um exemplo de homem.

Parceiro e companheiro dedicado, era o eterno namorado de sua esposa Maria.

Maria também foi contaminada pela Covid-19, mas sobreviveu. Ela desabafa: “Ele foi e é meu grande amor. Partiu e deixou um vazio em minha alma, mas sua alegria contagiante nunca será esquecida. Apesar da dor que sinto hoje, agradeço a Deus por ter tido a sorte de ter desfrutado da companhia desse ser tão especial por tantos anos. Muito obrigada por ter existido em nossas vidas. Saudades!”

De sua esposa, Maria Aparecida Marioto.

Gecival nasceu em Alagoas e faleceu em São Paulo (SP), aos 76 anos, vítima do novo coronavírus.

Testemunho enviado pela filha de Gecival, Kátia Regina da Silva Borges de Novaes. Este tributo foi apurado por voluntário, editado por Denise Pereira e Andressa Cunha, revisado por Rosana Forner e Lígia Franzin e moderado por Rayane Urani em 14 de junho de 2020.