Sobre o Inumeráveis

Josenildo Mendes de Sousa

1955 - 2020

Um aprendiz incansável da arte de viver.

Dono de uma gargalhada inconfundível, Nildinho gostava de dar apelidos engraçados e conversar sobre o mundo e sua história. Seu primeiro animal de estimação foi um galo. E isso diz muito sobre ele.

Seu propósito de vida era buscar um mundo mais justo e igualitário, repassando isso a quem estivesse disposto a aprender e buscar o mesmo. Fez da sua família um ninho, sempre dividindo e ensinando o que sabia, e sabia muito, sobre tudo, desde matemática e história mundial até a melhor maneira de cozinhar uma sopa.

Para a neta Celeste, a gargalhada dele ainda ecoa pelos cantos da casa, e sua presença permanecerá para sempre, mesmo que invisível. “Obrigada por ensinar tanto”, diz ela.

Josenildo nasceu em Macapá (AP) e faleceu em Belém (PA), aos 64 anos, vítima do novo coronavírus.

História revisada por Ticiana Werneck, a partir do testemunho enviado por neta Celeste, em 3 de maio de 2020.