Sobre o Inumeráveis

Lindalva de Sousa Moura

1945 - 2020

Batia papo com toda a aldeia e fazia uma bela tapioca.

Lindalva ficou sem sua mãe muito cedo. E ganhou de herança seus dez irmãos.

Como era a mais velha, tornou-se mãe dessa turma toda do dia para a noite, e honrou seu cargo. Era generosa, ao mesmo tempo materna e fraterna, agradava a família fazendo uma farinha deliciosa e uma tapioca melhor ainda.

Também trabalhava muito na roça, mas apesar de todas essas tarefas, nunca perdia o bom humor.

Era alegre e conversadeira. Se parasse ao lado de uma pedra, era capaz de puxar assunto.

Nesse exato instante, a aldeia Tauaru está mais silenciosa. E muito mais triste sem Lindalva.


Sobre o povo Kokama
O povo Kokama-kokamira habita a Amazônia há mais de 2 mil anos. Hoje estão espalhados pela tríplice fronteira ocupando, no Brasil, a região do alto rio Solimões, com população de cerca de 10.000 pessoas. Além do português, falam a língua originária, kokama, que vem sendo ensinada também como forma de preservação e resistência de sua cultura.


RINTAWA TANANTA AKƗKƗTUARI, Kantsi chunka pichka wata.

Upi kumitsaka ritama yay ɨyɨ pupe wepe erapaka yairi kaimiminio.
Rintawa upenaka mama utsu petsetaka maniapuka waina kunumi. Emete aipata chunka kɨwɨra retspontsapirishka. Irua wija, uwakata mama epe iruakana kuarachi a ɨpɨtsa, tuitsa uka karku amatska. Tsachitatseme, ipuku mama riay irua, ɨtsɨmata iruakana tuata wepe ui ikua eyu riay wepe yairi kaimiminio tseta. Riay kamatara karupa, kamatakana tɨma ukaimatsapa eran tsarɨwayara.Tsarɨwa yay Kumitsara. Ra yapɨtu tsati wepe itaki, yukuka kumitsa tsuwa.
ikun, ritama Tauaru kakuara chinta. ashun yamɨma uriatiati Rintawa.

Rintawa uwaritsuri Amay+unu e umanu Manao, Kantsi chunka pichka wata, umanu koronashka makanuri COVID- chunka itskun.

Lindalva nasceu no Amazonas e faleceu em Manaus (AM), aos 75 anos, vítima do novo coronavírus.

Tributo escrito a partir de testemunho concedido pela sobrinha de Lindalva, Leilane Samias. Este texto foi apurado e escrito por Jornalista Giovana Madalosso, revisado por Lígia Franzin e moderado por Giovana Madalosso em 10 de junho de 2020.