Sobre o Inumeráveis

Manoel Teixeira Silva

1950 - 2020

Seu jeito bravo não afugentava os sobrinhos, os quais se divertiam com suas manias.

Manoel, um homem muito justo, viveu sempre de maneira correta.

Simpático e vaidoso, também era muito discreto e de poucos amigos. Optou por não se casar. Também não teve filhos. Mas, ainda assim, era muito "achegado" a sua família. Demonstrava um afeto muito grande por sua irmã Maria, que se divertia demais com as manias dele.

Nasceu na cidade de Garanhuns, no Pernambuco, mas vivia em São Paulo - cidade que era sua paixão.

"Era um tio à moda antiga: bravo e teimoso. Friorento, o pernambucano não tinha papas na língua.", diz a sobrinha Kelly Cristina.

Ele era um profissional exemplar, passou 30 anos no último emprego de operador de xerox. Se aposentou mas não aguentou de saudades. Voltou a trabalhar no mesmo lugar... Tinha o trabalho como uma terapia.

Manoel demonstrava o amor através de gestos. Por vezes, não soube como expressar isso, mas estendia a mão como ninguém.

Manoel nasceu em Pernambuco (PE) e faleceu em São Paulo (SP), aos 70 anos, vítima do novo coronavírus.

Testemunho enviado pelas sobrinhas de Manoel. Este tributo foi apurado por voluntário, editado por Andressa Cunha e Alessandra Capella Dias, revisado por Joselma Coelho e moderado por Rayane Urani em 21 de maio de 2020.