Sobre o Inumeráveis

Maria Raimunda Souza da Silva

1949 - 2020

Entre as memórias que deixa, estão as bonecas de pano que fazia à mão, depositando amor em cada ponto de linha de suas costuras.

Dona Raimunda sobreviveu a um câncer de útero e criou sozinha cinco crianças que se tornaram adultos felizes e encaminhados na vida.

Sua maior alegria eram as reuniões de domingo, em casa, cercada de netos.

Partiu sentindo saudades de casa e deixando saudades em todos.

Entre as memórias que deixa, estão as bonecas de pano que fazia a mão, depositando amor em cada ponto de linha de suas costuras. E que ficarão com os filhos, netos e crianças que tiveram a sorte de cruzar seu caminho.

Maria nasceu em Manaus (AM) e faleceu em Manaus (AM), aos 71 anos, vítima do novo coronavírus.

Tributo escrito a partir de testemunho concedido pela filha de Maria, Sônia. Este texto foi apurado e escrito por Jornalista Gaía Passarelli, revisado por Didi Ribeiro e moderado por Rayane Urani em 30 de maio de 2020.