Sobre o Inumeráveis

Pedro Lucas da Silva Junior

1988 - 2021

O garoto que que se encantava com as pipas no ar, cresceu e aprendeu a dominar a tecnologia.

Essa é uma carta aberta da esposa Bianca, ao seu amor:

Sabe Pe, os dias perderam a graça sem você. Mas quando a tristeza toma conta de mim eu me lembro como você foi feliz e intenso e como amava cada pedaço de vida que tinha.

Você sempre me dizia que foi uma criança feliz e que não deixou de brincar e aprontar todas. Adorava empinar pipa e jogar futebol e por conta dessas peripécias vivia se “quebrando”.

Me dizia também que na adolescência só encontrou pessoas boas pelo caminho que te impulsionaram a evoluir. Dizia que tinha poucos amigos, mas que você considerava, respeitava e gostava como irmãos.

Quanto ao seu trabalho como programador, era prazeroso ver como você amava o que fazia e se dedicava, muitas das vezes sem ter noção do tempo que ele ocupava em sua vida. Depois me falava sobre a sua pós graduação, cheio de entusiasmo. Explicava que era uma área que estava em crescimento - inteligência artificial - e você precisava se atualizar. E quando você terminou eu vi a satisfação no seu olhar.

Falava do amor pela sua família. De como sua mãe cuidava de você e te incentivava a estudar e evoluir, de como suas irmãs eram seu exemplo, de como ensinou o Marcelo a andar e de como seu pai ficava feliz quando a família se reunia em volta da mesa.

E por fim, falava do nosso amor. De como foi intenso e de como evoluímos, planejamos e conquistamos cada pedacinho dos nossos anos juntos que culminou com o nascimento da Manu, que foi de longe a sua maior alegria. Depois de viver ao seu lado 12 anos posso te definir em três palavras: Amor, Intensidade e Teimosia.

Você me pediu que eu fosse forte mas não me disse como fazer isso... Então daqui pra frente reunirei minhas forças na Manu e nas nossas melhores lembranças, porque sei que o amor resistirá e vai me ajudar a seguir.

Te amarei eternamente!

Pedro nasceu em Euclides da Cunha (BA) e faleceu em São Paulo (SP), aos 32 anos, vítima do novo coronavírus.

Testemunho enviado pela esposa de Pedro, Bianca Damas Antonelli. Este tributo foi apurado por Larissa Reis, editado por Bianca Damas Antonelli, revisado por Ana Macarini e moderado por Ana Macarini em 19 de novembro de 2021.