Sobre o Inumeráveis

Roberto de Sousa

1948 - 2020

O barco não pode frear!

Nada no mundo foi mais importante e valorizado por ele, como a vida.

Homem de garra, guerreou, desde seu nascimento até seu desencarne.

Foram 30 dias de luta contra a Covid-19, no CTI, sem fraqueza, sem frear o barco. No entanto, decidiu que precisava partir e olhar por nós, lá de cima.

Coração mais empático e bondoso não houve.

Esses foram seus maiores legados: união, empatia e compaixão; tudo isso, sem deixar que o motor que nos movimenta pare, sem deixar que o barco pare, pois a morte não é o fim, mas sim a continuação da jornada, em outro espaço.

Roberto nasceu em Batatais (SP) e faleceu no Rio de Janeiro (RJ), aos 71 anos, vítima do novo coronavírus.

Tributo escrito a partir de testemunho concedido pela neta de Roberto, Gabriela. Este texto foi apurado e escrito por Gabriela Trindade, revisado por Lígia Franzin e moderado por Rayane Urani em 11 de julho de 2020.