INUMERÁVEIS

Memorial dedicado à história
de cada uma das vítimas do
coronavírus no Brasil.

Cascavel (PR)

Ademar Rodrigues, 68 anos

Tocador de gaita e contador de piadas, espalhava riso e alegria por onde passava.

Fernanda Capelin Besla, 25 anos

Viveu muito em tão pouco tempo, pois sabia como aproveitar os momentos: com gargalhadas, jantares e viagens.

Gregoria Galeano, 76 anos

Cultivava alecrim para perfumar o chimarrão que tomava todos os dias.

José Henn Neto, 60 anos

Apaixonado por carros e corridas, andava de mãos dadas com a alegria e a generosidade.

Maria Celina Célio, 52 anos

Colocava todos pra cima, onde ela chegava não tinha espaço para a tristeza.

Mauro Aparecido dos Santos, 66 anos

Dom Mauro tinha coragem para enfrentar os poderosos e acolher os pecadores, tudo isso com muito amor.

não há quem goste de ser número
gente merece existir em prosa