INUMERÁVEIS

Memorial dedicado à história
de cada uma das vítimas do
coronavírus no Brasil.

Sumaré (SP)

Amadeu Marques Caldeira, 78 anos

Solidário e solícito, era o faz-tudo na vizinhança, o típico sujeito gente boa.

Cristiano Gonçalves da Silva, 35 anos

O caminhoneiro de jeito pacato foi um filho amoroso e demonstrou todo o amor de pai à filha ainda em gestação.

Luciano Teixeira de Castro, 45 anos

Dono de uma voz estrondosa e contagiante, não media esforços para ajudar as pessoas com seu coração imenso.

Sonia Maria Ferraz, 57 anos

Uma tecelã que, com os fios do trabalho, fazia os tecidos do amor. Uma pessoa que gostava de ouvir o outro.

não há quem goste de ser número
gente merece existir em prosa