INUMERÁVEIS

Memorial dedicado à história
de cada uma das vítimas do
coronavírus no Brasil.

Tocantins

Erlim de Andrade, 68 anos

Família, amigos e futebol: as três paixões do amado Caju.

Francisca Romana Souza Chaves, 47 anos

Determinada, corajosa, guerreira e amiga.

Leonardo Bezerra de Freitas Junior, 59 anos

Mesmo não sendo compositor, dedicava músicas de presente para quem amava.

Maria Cícera da Conceição, 65 anos

Uma mulher que soube enfrentar as dificuldades da vida com coragem, humildade, amor e sabedoria.

Maria Nazarene dos Santos, 87 anos

Mãe de 24 filhos, alegrava-os com suas músicas e frases especiais, como: “Tô aqui só batendo asa!”

Ronaldo das Chagas Silva, 64 anos

Rodava o Brasil trabalhando, mas trazia felicidade quando voltava para os seus, em Belém.

Wesley Barbosa de Sousa, 38 anos

Tinha um abraço apertado, sempre acompanhado de sua alegria natural e do seu jeito brincalhão.

não há quem goste de ser número
gente merece existir em prosa