INUMERÁVEIS

Memorial dedicado à história
de cada uma das vítimas do
coronavírus no Brasil.

Campo Grande (MS)

Ademar Minoru Osugi, 69 anos

Ficou marcado pelo amor que dedicou à família.

Eduard Adolf Maier, 69 anos

Pai honesto e lutador que conseguiu amenizar suas ausências com amorosidade.

Maria Patrocinia de Moraes, 85 anos

Todos os filhos, netos e bisnetos se sentiam “o preferido” dela, tão grande era a sua capacidade de amar.

Patrocínio Magno Portocarrero Naveira, 74 anos

Não havia tristeza que seu abraço não curasse.

Valdinei Pereira de Souza, 43 anos

Amava a sensação das ondas do mar batendo e voltando nos pés.

Weslley Utinoi Denadai, 38 anos

Viveu lutando contra o medo, usando sonhos e amores.

não há quem goste de ser número
gente merece existir em prosa